Terça-feira, 14 de Março de 2006

...

olho.JPG</p>

 



No silêncio da madrugada ouço uma voz que me acorda,

Um voz doce e calma,

Com um som que me toca a alma

E me faz pensar em ti

 


Agora que estou acordada já não ouço essa voz

Não há nada que quebre este silêncio matutino.

Fico então deitada

Tentando adormecer novamente

E sonhar mais uma vez…

E desejo acordar por palavras que nem sei o significam,

Com essas carícias que me despertam docemente

Mas que chegam e não ficam:

Vão embora rapidamente.

E eu fico ali,

No meu leito frio e só

Fico assim: a pensar em ti!

 


 


 

Publicado por nicasr às 15:42
link do post | Comente | favorito
1 comentário:
De Maat a 19 de Março de 2006 às 21:12
gostei mt d visitar aki o teu blog e gostei mt deste poema, plo k axei k devia deixar-te uma pekena nota d parabéns e d incentivo! *** ;)


Comentar post

.
Arquivo

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Setembro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

.pesquisar

 
blogs SAPO

.subscrever feeds